O que é a vida?

A imagem pode conter: 1 pessoa, sentado

 

O que você considera ser “vida”?
Sua vida. O que é sua “vida”?
O que é essa “vida” que você vive diariamente? Dependência, apego, dor, perturbação, raiva, irritação, arrependimento…
Vocês conhecem tudo isso não? Isso é a sua vida cotidiana. Vai para o templo e faz barulho com um sino […] pratica yoga…Dizemos que isso é nossa vida.

Então o que você quer dizer por “vida religiosa”? Me digam o que isso realmente significa para vocês? A palavra “religião” significa reunir toda a sua energia…é tudo o que significa. Reunir toda a sua energia para questionar, para buscar…
Não essas besteiras de templos, rituais, e essas coisas que vocês colocam na cabeça. O significado é reunir cada pedaço da energia que você tem para questionar o que é a verdade, o que é realidade…questionar o que é meditação, questionar porque os seres humanos estão vivendo da forma como estão vivendo, questionar se existe um fim para a tristeza, questionar o que é o amor…questionar se alguém pode viver sem qualquer esforço e controlar tudo o que está implementado no mundo.

Uma vida religiosa implica ser uma luz para si mesmo. o que significa: nenhuma autoridade externa! Estamos falando sobre não possuir autoridade espiritual, incluindo a mim. Você tem alguma autoridade? Autoridade espiritual? Vocês tiveram vários bons: O Sr. Gandhi desde os séculos VI, V, IV até o presente. E para onde vocês tem sido guiados por estas centenas de anos? Onde vocês estão? Estou perguntando, gentilmente: Você se livrou de suas tradições? Sendo elas nacionalidade, sua casta, suas crenças, seus rituais, idas a templos, tudo isso…Você se livrou disso? Não? Então como você vai saber o que é uma vida religiosa se você está cego? Você quer saber o que é uma vida religiosa, sem abandonar a sua clausura?

Você está preso à sua tradição e você quer adentrar algo que demanda uma mente que seja capaz e um coração que possa de fato amar. Sem isso: libertar-se de suas tradições, sua cultura, suas crenças…como vai descobrir qualquer coisa? Você pode repetir o que os líderes dizem. ou aquilo que você viu em algum livro. Mas que valor tem isso? Me disseram outro dia, que alguns Gurus apresentam palestras ou discursos sobre Gita. E centenas ou milhares os escutam. Que valor isso tem? De que nós estamos brincando, Senhores? Aparentemente não se enxerga a própria tragédia. Psicologicamente, porque eu deveria aceitar algo dito por outra pessoa quando percebo que sou o resto da humanidade e que a humanidade sou eu? Eu sou a história da humanidade, o livro da humanidade. Se eu sei como ler a mim mesmo não dependo de ninguém. Veja, eu posso sem distorção, sem preconceito, sem decisões, estar consciente do conteúdo deste livro, que sou eu.
Ler ele cuidadosamente, sem nunca distorcer, requer uma grande quantidade de atenção, grande quantidade de energia, intensidade, prontidão. Mas não fazemos isso pois achamos muito custoso. “Diga-me rapidamente o que fazer, e eu faço”. Ou posso não fazer. Geralmente não se faz.
Eu penso pessoalmente que essa orientação psicológica vinda de um outro, um guia…é totalmente errado porque você está evitando a verdade…Eu preciso ser orientado, ordenado, encorajado…

Por Jiddu Krishnamurti

Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=mw9dMBqgwFc

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s