Pecador Vai Para o Inferno

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, céu e atividades ao ar livre

Por Ana Burke

A Salvação é algo hilário. Salvar-se dos pecados.

Se você têm noção do que é certo ou errado, ou do bem e do mal, não fazendo o que é errado ou o mal, pra que religião? Porque é bom pagar dízimo e pagar por besteiras ungidas tirando dos filhos para dar ao pastor ou ao padre ou ao Rabino ou ao Guru? Se é pecador é porque não é boa pessoa e pelo que eu saiba, segundo se ensina nas igrejas, coisa ruim não tem salvação. Gente boa não se importa se existe um deus ou religião porque não precisa ser salvo de coisa alguma. O Paraíso é aqui e a vida acontece agora.

Temos à nossa volta animais sofrendo, sendo torturados, abandonados; crianças vendendo o corpo por um prato de comida ou por drogas; idosos abandonados, doentes e solitários em asilos; pessoas com doenças terminais em hospitais…e você rezando? Pensando na SUA salvação e sonhando com um paraíso e uma vida eterna? Pra quê vida eterna? Pra continuar fazendo o que você já faz? NADA a não ser rezar e dizer Amém? O seu amém não salva ninguém do sofrimento…aumenta o sofrimento porque de efetivo e eficaz para melhorar as condições de vida dos seus semelhantes, estejam eles em que parte do planeta estiverem, você faz NADA.

Pecadores só pensam em si mesmos.

Carregue a cruz que o seu amado Pai colocou em suas costas. É mais fácil do que ir até um asilo dar banho nos idosos, conversar com eles ou fazer a barba dos velhinhos.
Carregar a cruz e viver de joelhos é a sua sentença de morte em vida.

Salvação? Pecador vai para o inferno.

4 comentários sobre “Pecador Vai Para o Inferno

  1. Inferno do hebraico sepulcro,habitaçao dos mortos. Do grego hades=sepultura Do latim=lugares baixos. Lago de fogo=geena era um lugar no redor de jerusalem que inha fogo dia e noite,enxofre onde queimavam de tudo. A religiao “cristã” traduziu tudo como infermo e misturou tudo. Fogo na biblia é SIMBOLO de juizo.

  2. A história da humanidade sempre esteve enclausurada numa obstinada disputa entre o bem e o mal. O placar, até o momento, não saiu do zero a zero, razão pela qual resolvi abandonar o jogo e experimentar, junto a uns poucos dissidentes, uma vida fora desse anfiteatro circense e improfícuo. AHenriqueFGuimarães

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s